Imprimir Esta Receita

Print Friendly and PDF
Mostrar mensagens com a etiqueta Bebidas. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta Bebidas. Mostrar todas as mensagens

Taça Vermelha Refrescante

Esta bebida é quase viciante, compete muito bem com uma sangria de frutos vermelhos ou de champanhe! Mas o que lhe dá aquele sabor delicioso é sem dúvida o licor de cassis!

Ingredientes:
1 garrafa de champanhe
1 garrafa de rosé
1 copo de xarope de cassis
mirtilos, framboesas e morangos
gelo qb
Hortelã a gosto




Preparação:
Num recipiente colocar todos os ingredientes pela ordem descrita, mexer e servir. Fácil, hein?











Capuccino Cremoso

É possível preparar um fantástico capuccino caseiro sem ter em casa uma máquina de capuccino, para esta receita bastam um café expresso ou de cafeteira bem forte e leite evaporado. Depois é só servir e relaxar no sofá a saborear!

Ingredientes para 2 chávenas:
1 lata de leite evaporado ± 400gr (não é o mesmo que leite condensado)
2 cafés expresso
2 cubos de chocolate preto

Preparação:
Encher as chávenas com água a ferver e reservar. Aquecer o leite evaporado e levar ao liquidificador ou bater com a batedeira até formar espuma. Retirar a água das chávenas, colocar em cada chávena um cubo de chocolate e tirar um café expresso em cada uma. No final adicionar a espuma de leite até encher a chávena.
Simples não?
O coração fiz com um palito e resto da espuma, como se fosse um pincel: ia molhando o palito na espuma e desenhando o coração. Existem outras técnicas, mas não consegui fazer... o que conta mesmo é o resultado não? :-)



Batido de Bolachas Oreo


Delicioso este batido ou milkshake (como lhe queiram chamar), fiz hoje para o lanche da pequenada e fez sucesso!


Ingredientes.
0.5l de leite
0.5l de gelado - sabor à escolha, utilizei morango e baunilha
± 176gr de bolachas Oreo (1 embalagem)
natas batidas para decorar

Preparação:
Triturar as bolachas de modo a ficarem com a consistência da papa cerelac. No liquidificador adicionar esta "farinha" com o leite e centrifugar até que a farinha tenha diluído no leite. De seguida adicionar o gelado e voltar a centrifugar até obter o batido com uma consistência homogénea.
Verter para um copo e decorar com chantily. Magnifico!

Groselhissímo - sem álcool


A pequenada adora estas bebidas sem álcool mas que são servidas como as dos adultos! É uma boa oportunidade de brincarmos com os pequeninos, já que a vida passa tão rápida e nos esquecemos que os nossos filhos adoram brincar com os pais! 

Ingredientes
15 cl de Ginger Ale
1 cl de Sumo de Lima
2 cl de xarope de groselha

Preparação
Coloque o ginger ale e o sumo de lima num copo longo, junte gelo a gosto. Mexa bem e deite a groselha. Enfeite com uma folha de hortelã.

Pink Lemonade - sem álcool



Ingredientes
2 cl de Xarope de Grenadine
5 cl de Sumo de Limão
10 cl de Água Gaseificada
Gelo q.b.

Preparação
Colocar num copo longo o Grenadine com o sumo de limão e mexer.
Adicionar o gelo, a água gaseificada e mexer novamente. Servir de imediato.

California Lemonade - com álcool

Este cocktail foi feito para os homens da casa, uma vez que a delicia de coco era mais coisa para mulheres!

Ingredientes
 4 cl Whisky
1 cl Sumo de Limão Natural
10 gr Açúcar
12 cl Gasosa
Gelo

Decoração:
Raminho de Hortelã
Preparação
Misture o sumo de limão, o whisky e o açúcar no shaker com gelo e agite. Verta para um copo médio com gelo. Adicione a gasosa e decore com um raminho de hortelã.

Delicia de Coco - com álcool

Este cocktail é uma delicia! Bom, Bom, Bom! Experimentem que vão adorar! E além do mais super-fácil de fazer.

Ingredientes
 4,5cl Licor de Coco
1,5 cl Triple Sec
Gelo

Preparação
Colocar gelo, o Licor de Coco, Triple Sec no liquidificador até triturar o gelo, verter para o copo e decorar.
Fresquinho é uma delicia!

Cocktail de Ananás e Hortelã - Sem Álcool


A pedido da Natacha, vou publicar algumas receitas de Cocktails. Com este calor vão sempre bem!

Começo com um cocktail sem álcool, porque os pequeninos também têm direito a ter um bebida linda :-)
As pequeninas adoram!


Ingredientes
4 rodelas de Ananás
1 colher de Açúcar
1 folha de Hortelã
30cl de Sumo de Ananás
Gelo Moído q.b.

Preparação

Corte o ananás em cubos e coloque-os no liquidificador, com o açúcar

, a folha de hortelã, o sumo e o gelo moído.
Triture, verta para um copo e sirva, decore com uma rodela de ananás e uma folha de hortelã.

Limoncello


Mais uma receita para a lista de licores!
O limoncello é um licor originário do sul da Itália muito doce e saborosíssimo de limão siciliano, mas os limões Portugueses também não lhes ficam atrás!

Ingredientes:
12 limões orgânicos
1 Litro de vodka bem forte
2 xícaras de água
2 xícaras de açúcar

Preparação:
Retirar a casca do limão evitando cortar a parte branca (caso vá um pouquinho que seja da parte branca, o licor irá amargar), meter as cascas e metade da vodka num frasco de vidro com tampa, e selar.
Deixar em infusão até que as cascas percam a cor (± 2 semanas).
Aquecer 1 xícara de água com o açúcar e mexer até que o açúcar se dissolva. Retire do fogo e juntar a outra xícara de água gelada e deixe arrefecer completamente.
Coar o limão e a vodka e adicionar ao xarope e ao resto da vodka.
Engarrafar e esperar pelo menos 2 semanas antes de usar.
Deve-se beber super frio, garrafa no congelador antes de servir, isto para não juntar gelo e desvirtuar o sabor de um verdadeiro Limoncello! Maravilhoso no verão!

Chocolate Quente

Durante esta esta Páscoa as minhas filhas conseguiram recolher quase 1Kg de chocolate de ovos da Páscoa... É claro que o importante eram as "surpresas" que estavam dentro dos ovos, e o chocolate dos ovos ía directamente para uma caixa de plástico para guardar. 
E a pergunta que se faz é:
O que fazer com tanto chocolate partido?
Ontem mais parecia um dia de inverno, então fiz um chocolate quente com os destroços dos ovos, maravilhoso!

Ingredientes.
1L de leite
200gr de chocolate (de ovos da Páscoa)
1 colher de sopa de Maizena

Preparação:
Do litro de leite necessário, utilizar um pouco para desfazer a farinha Maizena.
Levar o leite a ferver e juntar os pedaços de chocolate, mexer com uma vara de arames para que o chocolate não agarre ao fundo. Quando o leite estiver quase a ferver juntar o amido de milho desfeito em leite e continuar a mexer até que começe a ferver. Retirar do fogo assim que começe a ferver.
Não adicionei açucar porque o chocolate já o tem, e na realidade não foi necessário porque este chocolate quente soube mesmo bem!

Sangria de Vinho Tinto

Mais uma receita de Sangria!


Ingredientes:

4 laranjas pequenas
Sumo 1 lima
1 ananás (opcional)
1 maçã
6 colheres de sopa de açúcar
1 pau de canela
3 cabeças de cravinho
50 ml de Triple Sec ou Cointreau
1L de vinho tinto
0.5L de gasosa
3 folhas de hortelã ou flor de anis

Preparação 
Corte as fruta em pedacinhos – a maçã e a laranja com casca -, junte o açúcar, sumo da lima, os cravinhos, a canela e misture tudo. 
Deixe macerar à temperatura ambiente durante um par de horas.
Adicione o triple sec, a gasosa, e o vinho e mexa tudo.
Leve ao frigorífico até à hora de servir , enfeitar com as folhinhas de hortelã ou a flor de anis.


Batido de Banana

Este Natal ofereci um livro de receitas à minha filhota de 8 anitos, um livro muito engraçado para meninas - chama-se: "Livro de Culinária para Meninas", logo no dia de Natal a pequena Cozinheira quis experimentar as receitas, começou pelo batido de banana:

Ingredientes:
4 bananas ás rodelas
1 litro de Leite
3 colheres de sopa de mel
6 cubos de gelo triturados
canela para decorar

Pôr as bananas, o leite o mel e o gelo num liquidificador e misturar até ficar cremoso.
Verter o batido para um copo, polvilhar com a canela moída e decorar a gosto.

Acho que lhe apanhou o jeito!

Sangria de Champanhe

Sangria de Champanhe frutos vermelhos bosque
Imagem tirada da Net (esqueci-me de tirar foto)
À ceia de Natal não pode faltar a deliciosa Sangria de champanhe, serve para darmos dois dedos de conversa com a família enquanto o jantar não está pronto, e é sempre uma bebida bonita de se ver e que enfeita a mesa das entradas.

Ingredientes:
4 laranjas pequenas
Sumo 1 lima
1 romã (ou frutos vermelhos)
6 colheres de sopa de açúcar
1 pau de canela
3 cabeças de cravinho
50 ml de triple sec
1 garrafa de espumante gelado (tipo Asti)
1/2 garrafa de gasosa gelada
3 folhas de hortelã

Preparação:
Corte a laranja em rodelas, descasque a romã e separe as sementes, junte o açúcar, sumo da lima, os cravinhos, a canela e misture tudo. 
Deixe macerar à temperatura ambiente durante um par de horas, numa taça própria para servir (tipo taça para ponche).
Adicione o triple sec, a gasosa e o espumante e mexa tudo.
Leve ao frigorífico até à hora de servir , enfeitar com as folhinhas de hortelã
Poderá juntar gelo à bebida mas aconselho a manter a bebida fresca sem adicionar gelo directamente (ter um recipiente com gelo e dentro deste ter a taça com a sangria),
Cheers!

Licor de Café

Licor de café caseiroMais um belo licor com um sabor muito agradável e idêntico ao famoso Kahlua, uma maravilha!

Ingredientes:
• 3/4 xícara de café moído
• 2 xícaras de água
• 2 xícaras de açúcar moreno
• 1 colher de chá de essência de baunilha
• 2 xícaras de Rum

Preparação:
Preparar um café bem forte (de preferência numa french-press, para obter o máximo de sabor).

Despejar o café para um recipiente em vidro com tampa, adicione o açúcar mexa até dissolver. Deixar arrefecer e juntar a baunilha e o Rum (ou vodka, se preferir). Mexer bem e selar o frasco. Guarde o café num lugar fresco e longe da luz solar durante, pelo menos, um mês. Agitar pelo menos uma vez por semana.

Após o estágio de um mês coar e engarrafar.

Baileys caseiro

Baileys caseiro licor de natas chocolate

Como anteriormente prometido, este fim de semana foi ocupado com os licores, hoje deixo aqui a receita de baileys caseiro, não estou a exagerar quando digo que as "licoreiras" quase não deixavam licor para a foto, tal era a vontade de continuar com as provas!

Ingredientes:
750 ml Irish whisky
225gr chocolate de leite de boa qualidade
740gr de leite condensado (± 2 latas)
700gr de leite evaporado (2 latas)
2 pacotes de natas

Preparação:
Derreter o chocolate em banho-maria tapado por whisky. Retirar do banho-Maria e lentamente adicionar 1 lata de leite condensado e outra de leite evaporado, mexer até obter uma cor homogénea, e adicionar as outras latas mexendo tudo outra vez (lentamente).
Adicionar o resto do whisky e as natas e voltar a envolver até ter novamente um liquido homogéneo.
Dividir o líquido por garrafas, deixar repousar durante 2 semanas e beber!
Guardar no frigorifico. Prazo de validade: 2 meses, mas poderá durar mais tempo.

Façam e sirvam aos vossos amigos, é tão bom que não vão acreditar que é caseiro! Magnífico!
É claro que as cozinheiras poderão deitar o restinho que “sobrou” num copo, apenas para uma degustação prévia! J

Queimada do dia das Bruxas

queimada beirã
Esta é uma brincadeira que costumamos fazer no dia das bruxas, passamos sempre uma noite muito divertida, apenas entre mulheres, é claro!
Deveremos ter um pote de barro, e malgas de barro para servir a bebida (como não tinha o pote de barro ou a panela de 3 pernas, serviu um tacho de cozinha, …não aconselho, fiquei com o interior do tacho de tal forma que não consegui retirar o preto que se lhe agarrou!).
Todos os ingredientes deverão estar em recipientes para ser mais fácil encontrar, porque ao mesmo tempo teremos que dizer a reza numa voz tenebrosa....!

Inicio da Reza: 
- Pó de estrelas (açúcar), lágrimas de virgem (bagaço), pó de perlim- pimpim (erva doce), meter açúcar na concha e um pouco de bagaço e incendiar até ficar caramelizado, 
- ranheta de macaco (bagaço), casco de unicórnio branco (açúcar)
Depois com muito cuidado mete-se a concha na panela para incendiar a bebida, com a bebida já incendiada começar a introduzir o resto dos ingredientes ao mesmo tempo que se faz uma cascata ardente com a concha elevando-se e despejando o liquido no pote.
- olhos de sapo (grão de café), cobras (casca limão) e lagartos (casca de laranja), dentes de dragão (passas), miolos de crocodilo (maçã), ossos de galinha (pau canela) 
Mexe-se até esgotar quase todo o álcool, fazendo com que a queimada se apaga por ela própria, à excepção dos bordos que continuam a queimar, nesta fase faz-se o esconjuro (para afastar todos os males!):

Esconjuro
-Mochos, corujas, sapos e bruxas!
Demônios, trasgos e diabos, espíritos das enevoadas veigas.
Corvos, píntigas e meigas:
feitiços das mezinheiras.
Podres canhotas furadas, lar dos vermes e alimárias.
Fogo das Santas Companhas, mau-olhado, negros feitiços, cheiro dos mortos, trovões e raios.
Uivar do cão, pregão da morte; focinho do sátiro e pé do coelho.
Pecadora língua da má mulher casada com um homem velho.
Averno de Satã e Belzebu, fogo dos cadáveres ardentes, corpos mutilados dos indecentes, peidos dos infernais cus, mugido do mar embravecido.
Barriga inútil da mulher solteira, falar dos gatos que andam à janeira, guedelha porca da cabra mal parida.
Com este fole levantarei as chamas deste fogo que assemelha o do Inferno, e fugirão as bruxas a cavalo das suas vassoiras, indo-se banhar na praia das areias gordas.
Ouvi, ouvi! os rugidos que dão as que não podem deixar de se queimar na aguardente ficando assim purificadas. (aqui as outras bruxas choram e gritam)
E quando esta beberagem baixe pelas nossas goelas, ficaremos livres dos males da nossa alma e de feitiço todo.
Forças do ar, terra, mar e fogo, a vós faço esta chamada:
se é verdade que tendes mais poder que a humanas pessoas, aqui e agora, fazei que os espíritos dos amigos que estão fora, participem connosco desta Queimada.

Serve-se então a queimada quente, sem retirar nenhum ingrediente, e continuamos pela noite fora!

Nota: ±120gr de açúcar para 1L de bagaço